venda por catálogos

Venda por catálogo: aplique essas estratégias!

O porte da empresa e do momento que estamos em nossa economia são meros fatores, o objetivo das empresas sempre é procurar aumentar suas vendas. Quando estamos falando de qualquer setor e segmento do mercado não é diferente, em alguns o desafio é um pouco menor e as vendas vêm de maneira mais orgânica, em outros são mais difíceis. 

Nós estamos sempre falando como os catálogos, tantos os impressos, quanto os digitais podem ajudar sua marca a impulsionar suas vendas e como eles são uma ferramenta poderosa na hora de fechar com os clientes.

E a venda por catálogo de cosméticos, utensílios domésticos, roupas e acessórios cresce a cada dia. Por isso, hoje trouxemos aqui para vocês algumas dicas de estratégias que você pode usar junto com o seu catálogo para ser mais assertivo na hora de vender. 

Confira práticas que todos os vendedores por catálogo fazem:

Seja consultor, não revendedor

Quando você trabalha com venda por catálogo, existe uma grande diferença entre o revendedor e o consultor. O revendedor está lá apenas para vender um produto, já o consultor conhece profundamente o produto, conhece todas as características e consegue explicar todos os benefícios que o produto tem para o cliente.

O consultor vai entender a marca e vai ser uma representante dela, propondo para os clientes as melhores soluções de acordo com a necessidade dos clientes. Ele vai vender toda a imagem da empresa.

Dê preferência para apresentar as novidades e promoções

Todo mundo adora uma novidade, e ainda mais uma promoção. Um novo produto pode representar uma oportunidade de venda excelente, mesmo que sejam de produtos que o cliente já conhece, porque todo mundo não resiste aos descontos. 

E vamos além! Não só você pode vender mais, como essa prática gera oportunidade de aumentar a intimidade com seus clientes. 

Se você está apresentando benefícios exclusivos, novidades, ou vantagens para eles, vai fazer com que se sintam especiais, mesmo que seja inconscientemente. É uma poderosa técnica de neuromarketing que diversas empresas usam. 

Entenda o que seus clientes realmente precisam

Um conceito aplicado em mais diversos segmentos de atuação é a máxima: ofereça o produto certo para a pessoa certa. Essa ação se trata de entender as necessidades do cliente para oferecer algo que ele realmente está precisando. 

Uma prática que vai fazer com que você entenda as necessidades de seus clientes é simplesmente conversar com eles. Procure sempre ouvir mais do que falar, afinal, o que realmente importa neste momento é conhecê-lo.

Um exemplo é: se você vende cosméticos, pode acabar percebendo em uma conversa, que uma determinada cliente está preocupada com a pele. Ela vai acabar “deixando escapar” a informação de maneira involuntária. Então, você acaba se aproveitando das informações e oferece a solução perfeita para o problema dela. Mostre a seção do catálogo que se trata de produtos de skincare, por exemplo. 

Como conseguir essas informações em uma conversa? Bem, cabe a você fazer as perguntas certas, para obter as respostas que você precisa. Aproveite que o momento da venda por catálogo é um momento seu com o cliente.

Aqui, falamos sobre o caso de revendedoras de cosméticos, mas é importante que você fale com seu cliente e realmente escute sobre as dores dele e se proponha a apresentar uma solução que seja a melhor dentro do que você tem a oferecer.

Distribua seus contatos

Ok, essa pode até parecer meio óbvia, mas é extremamente importante disponibilizar seus contatos. Anote nos catálogos que você distribuir, ou caso você tenha, coloque seus cartões de visitas dentro do catálogo. 

Assim, você não só estimula que eles voltem a comprar com você, mas também permite que eles tenham tempo de analisar o catálogo com mais tempo e considerar o que ele quer com mais calma. 

Claro que existem outros fatores que fazem o cliente voltar a comprar, mas ao disponibilizar seus contatos, você vai soar mais simpática e receptiva para atender o cliente no momento em que precisar.

Consuma produtos da sua revenda

Claro, com moderação, mas consumir os produtos é uma forma de demonstrar que eles realmente são bons. Isso vai passar muito mais credibilidade para sua imagem e a imagem da marca com a qual você trabalha. Dificilmente as pessoas vão querer comprar um produto que nem quem está vendendo usa.

Mas a moderação é necessária, senão seus ganhos não compensam os gastos com produtos. Existem consultores que gastam mais em produtos do que vendem, mas se você é uma revendedora profissional, não pode ter esse tipo de comportamento.

Dedique-se à atividade

Mesmo que ser revendedor seja uma segunda fonte de renda, vale a pena dedicar no mínimo duas horas do dia ao trabalho. Aproveite para usar esse tempo para fazer um marketing de relacionamento com seus clientes por meio das redes sociais. Além disso, procure investir na profissão, fazendo cursos de vendas e se aprofundando cada vez mais no mercado da sua revenda. 

Esteja nas redes sociais

É ideal criar uma rede social especialmente para isso, onde você pode publicar informações sobre a marca, promoções e lançamentos, pode compartilhar os depoimentos de clientes que gostaram dos produtos, é uma forma de agregar valor à marca e atrair atenção dos novos clientes.

Além disso, é uma forma de estabelecer um canal de comunicação, onde você pode fazer um breve follow up com seus clientes e permitir que eles venham falar com você para tirar dúvidas, fazer mais pedidos. Aqui entra a necessidade de um catálogo digital, que você deixar disponível para os clientes consultarem quando puderem. 

Invista em um pequeno estoque

Alguns clientes não têm paciência para esperar os produtos chegarem, então ter alguns itens como estoque, pode realmente fazer a diferença. Para garantir que você não vai ter uma desvantagem financeira, invista nos produtos que saem com maior frequência. 

Essas são algumas dicas para aqueles que trabalham diretamente com os clientes e com a venda por catálogo. Caso você faça parte da empresa que emite os catálogos e quer treinar sua força de vendas, pode começar passando algumas dessas dicas para seus revendedores e consultores começarem a aplicar em na estratégia deles. Treinar a força de vendas vai garantir que seus catálogos sejam ainda mais potentes na hora de fechar as vendas.

Leia também